terça-feira, 2 de novembro de 2010


Difícil é respirar fundo. Sorrir quando deveria estar chorando, fingir que está tudo bem, olhar nos olhos da pessoa e saber que NA-DA vai mudar. É ter a coragem suficiente pra conviver todos os dias, com a pessoa que te mata lentamente e você não dizer nada. É ter força o suficiente para levar os dias torturosos como se fossem apenas mais um, tentar enganar a si mesma, convencendo-se que o dia que tudo isso terminaria está perto e saber que NÃO está. É ter que sofrer para demonstrar amor e não se deixar destruir na frente dos outros. É ter que engolir em seco tudo e deixar para desmoronar em casa. É ter que chorar escondido por ter que agüentar a dor de ver os olhos da pessoa. E é ter que fingir, dia após dia, que está tudo bem… fingir que está feliz. Fingir que o sorriso que está no seu rosto NÃO é resto de uma noite mal dormida, de lágrimas que escorreram pelo seu rosto já cansado. Permanecer de queixo erguido, enquanto tudo que você quer, é abaixar a cabeça e chorar desesperadamente. Difícil é viver assim, como eu vivo.

Um comentário:

  1. isso passa, é horrivel, parece que voce vai morrer mas passa. eu passei por isso tem pouco tempo, vai dar tudo certo pra você também ;)

    ResponderExcluir