quarta-feira, 12 de maio de 2010

Indecisões


Não sei o que há comigo, são tantos  sentimentos diferentes, tantas indecisões... Só quero estar bem com todo mundo, quero fazer as minhas próprias escolhas, quero fazer aquilo que o meu coração mandar sem ter que me preocupar com o que os outros vão achar. Isso é pedir muito? Se for, porfavor me avise!

Não quero mais desistir das pessoas que eu gosto para entrega-las de bandeja para outra pessoa que eu sei que não se importam, não quero continuar sofrendo por alguém que não liga, não quero estar sempre em segundo lugar e estar em segundo plano, isso não é certo!

Não quero e nem posso mais ficar indecisa, isso é maldade, machuca a mim e a outras pessoas também e não quero isso, preciso resolver, tomar uma decisão e resolver essa situação! Sei que não vai ser fácil, a final sempre fui indecisa mais preciso tentar e espero conseguir para o bem de algumas  pessoas.

Não agüento sentir esse arrependimento que me machuca e me enlouquece! Sei que o passado já se foi e que agora o que importa é o presente, mais não dá, é quase impossível! Como esquecer uma coisa que falam que nunca se esquece? Como esquecer alguém que se vê todo dia? Como esquecer algo que é todo dia lembrado? realmente é complicado.

Não posso continuar fingindo já não consigo mais. Mais como posso contar a verdade sendo que isso magoaria algumas pessoas? Como posso confessar esse sentimento que com certeza está estampado na minha testa e nos meus olhos?

Não agüento mais sentir que realmente posso chamar alguém de Meu e depois vem outra pessoa e acha que também tem esse direito, como posso conviver com isso? Sempre foi assim, e pela primeira vez na minha vida realmente sinto que estou apaixonada e então vem alguém e o quer tomar de mim, sempre fui tola e deixei, mais dessa vez quero que realmente seja só meu, sem ninguém para leva-lo  embora. Se isso for uma prova de amizade, não quero sair sendo a vencedora disso.

Preciso de um tempo, preciso respirar, preciso pensar e tomar decisões... preciso saber o que estar acontecendo comigo e tentar ler nas entre linhas. Preciso parar e escutar o meu coração! Ter pelo menos um dia longe de tudo e de todos e ai sim, depois desse tempo, venha me perguntar como estou.

 
sempre em segundo

2 comentários:

  1. Ah, nessas horas que da vontade de largar tudo e fugir, ficar só.

    ResponderExcluir
  2. Tô me sentindo assim esses dias, me indentifiquei demais com seu texto.

    www.menina-normal.blogspot.com
    Queria sua opinião.

    ResponderExcluir